Como exercícios de disfunção erétil podem fortalecer sua ereção

Se você é como os 30 milhões de homens na América procurando maneiras de fortalecer sua ereção e fazê-la durar mais, você pode pensar que a única opção é uma pequena pílula azul. Mas há soluções por aí que não envolvem medicina, e há coisas que você pode fazer para melhorar naturalmente sua ereção e durar mais tempo na cama. Uma solução envolvendo exercícios de disfunção erétil pode melhorar não apenas as ereções, mas também sua saúde geral.

Como exercícios de disfunção erétil podem ajudar.

Especialistas indicam que a chave para melhorar o desempenho peniano é fortalecer os músculos do assoalho pélvico, que são fundamentais para sustentar o fluxo sanguíneo para o pênis e pressionar as veias penianas, mantendo o sangue no pênis durante a ereção.

Quatro movimentos específicos.

Quando se trata de exercícios de disfunção erétil que podem melhorar sua ereção, há quatro movimentos que são altamente eficazes.

Os primeiros são exercícios de KegelFontes dizem que esses exercícios podem fortalecer o músculo bulbocavernoso, que bombeia durante a ejaculação, permitindo o aumento peniano. Fazer um Kegel envolve primeiro localizar os músculos do assoalho pélvico, contraindo os músculos que você usaria para interromper a micção no córtex médio. De lá, aperte e segure os músculos por cinco segundos e depois relaxe, repetindo o aperto e solte-o de 10 a 20 vezes, duas ou três vezes por dia.

Outra maneira eficaz de melhorar suas ereções é fazer exercícios aeróbicos. Como a disfunção erétil é causada por problemas com o fluxo de sangue para o pênis, problemas de saúde que comprometem o fluxo sanguíneo podem resultar em DE. Isso inclui obesidade, diabetes, colesterol alto e doenças vasculares. Os especialistas do gel volumão aconselham combater essas questões e melhorar a saúde geral adicionando 30 minutos de exercícios aeróbicos à sua rotina, três a quatro vezes por semana.

Outro movimento é um exercício de Pilates que pode fortalecer o assoalho pélvico enquanto você se move. Especialistas do gel volumão descrevem um movimento conhecido como onda pélvica . Para fazer isso, deite-se com os joelhos dobrados e os pés apoiados no chão. Mantendo a coluna em uma posição neutra, mantenha um pequeno espaço entre o meio das costas e o chão. Em seguida, expire e engate os músculos do assoalho pélvico para inclinar a pélvis para cima, enrolando-se no umbigo, mantendo as costas retas no chão. Você, então, aperta lentamente os músculos do assoalho pélvico, erguendo a bunda do chão, apoiando o peso do corpo sobre os ombros. De lá, segure o aperto e, em seguida, abaixe lentamente a sua bunda e de volta para o chão. Repita isso três a quatro vezes, criando até 10 repetições.

Finalmente, um exercício de disfunção erétil que pode parecer simples, mas na verdade é imprescindível fortalecer as ereções, é basicamente “usá-lo ou perdê-lo”. Especialistas do https://www.gelvolumao.com.br/ dizem que a melhor maneira de estimular o fluxo sanguíneo é fazer sexo regularmente ou se masturbar mais.

Uma maneira de obter o fluxo de sangue sozinho ou com seu parceiro é usando um dispositivo de terapia de vácuo ou bomba de pênis. Embora seja uma ferramenta eficaz para a DE, já que pode ajudar a criar e sustentar uma ereção, ela também pode ser usada apenas para experimentar a sucção a vácuo sobre o pênis e praticar a extração de sangue no pênis, criando essa ereção. Você pode jogar com diferentes técnicas de bombeamento, estilos e ritmos para envolver o pênis e fazê-lo se mover.

Exercícios de disfunção erétil podem realmente fortalecer suas ereções, melhorando o fluxo sanguíneo e dando-lhe mais controle na retenção de sangue em seu pênis.